Pouco preciso

TV à tarde. Programa de fofoca. Um “repórter” de trejeitos afeminados e metido a engraçadinho aborda – ao vivo, de alguma praia do litoral paulista – algum desses assuntos típicos de verão. Alimentação, se não me engano. Resolve, então, colher a opinião de alguma pessoa que não fosse uma das que se aglomeravam a sua volta tentando aparecer. Com a aprovação do apresentador – igualmente de trejeitos afeminados e metido a engraçadinho – caminha em direção ao calçadão. Uma senhora que passava e, portanto, não poderia sequer desconfiar do assunto em pauta é surpreendida pelo “moço do microfone”, que formula a precisa e elaborada questão:

– E aí?

(!?!?)

O pior? Ele ficou esperando uma resposta!

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Publicado em Generalidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *