Pôr-do-sol

por.jpg

Hoje eu não tenho um poema pra você. Só tenho esse pôr-do-sol vermelho de algum verão que passou.

Não tenho você. Mas tenho comigo o seu sorriso. Tenho aquelas canções. Tenho aquele fim de tarde, com pôr do sol vermelho de verão e promessas não cumpridas.

E tenho saudades. Posso?

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Publicado em Versos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *